cinemafilmefilmesmovieparamountpicturestrailerUncategorized

Crítica | Rocketman apresenta uma obra intimista sem perder o espetáculo visual de Elton John

Essa semana estreou nos cinemas Rocketman, a cinebiografia de Elton John, embalada por grandes sucessos do cantor, o musical traz um olhar sincero sobre um dos grandes astros da música. Confira nossa crítica:

Essa semana estreou nos cinemas Rocketman, a cinebiografia de Elton John, embalada por grandes sucessos do cantor, o musical traz um olhar sincero sobre um dos grandes astros da música. Confira nossa crítica:

O longa já começa com Elton iniciando uma reunião nos Alcoólicos Anônimos, à partir daí, o protagonista começa a contar sua história de vida até o presente momento, acompanhamos a trajetória do pequeno Reginald Dwight até ele se tornar o astro Elton John que conhecemos hoje. Com um toque sincero, somos apresentados a diversas camadas de Elton, que faz questão de não esconder tudo o que viveu, sendo coisas boas ou más.

Somos apresentados à um Elton entrando na reabilitação e precisando se livrar de seus demônios, vemos os problemas de infância e uma família disfuncional que o garoto tinha, além da extensa procura pelo amor, e é basicamente esse o pilar do filme – o amor. Elton tendo que lidar com suas próprias escolhas e frustrações. Antes de tudo o longa é um tributo a seu astro, mas não esconde seus excessos. O fato de John ter tido problemas com drogas, álcool, raiva, dificuldade para assumir sua sexualidade, faz com que o público reconheça e se identifique com o homem por trás do ícone que foi Elton John.

Rocketman ousa em dar uma áurea de magia as cenas, principalmente nas partes cantadas, quando o assunto é música o longa acerta em cheio nas escolhas dos sucessos de Elton que possuem ligação com a cena, tronando-se parte essencial da narrativa.

Talvez o ponto mais assertivo do filme foi a escolha de seu protagonista, Taron Egerton brilha e convence como Elton John, além da caracterização e trejeitos, ele ainda canta todas as músicas do longa, mostrando que sua capacidade para o show business vai além do que ele teve a oportunidade de mostrar até agora.

Rocketman é intimista ao mesmo tempo que nos proporciona o espetáculo, não tem medo de ser um musical alegre ao mesmo tempo que entrega camadas sombrias sobre o Elton John, por fim ele consegue prender aqueles apaixonados pelo cantor quanto consegue cativar novos públicos numa trama intimista e surpreendente.

Nota:

4,0

4,0

Rocketman trás toda a magia de um filme musical com um toque intimista sem perder o brilho do espetáculo que Elton John proporciona.

Tags
Mostrar mais

Juliana Macedo

Futura economista, nerd assumida, apaixonada por filmes, séries, livros e um bom café de companhia. Criadora do Insta @pensoufilmes, sonhadora, não tem medo de novos desafios e sonha em deixar sua marca ao mundo.

Artigos relacionados

Deixem seus comentários!

Fechar