cinemacríticadisneyespecialguerrainfinitafilmemarvelmarvelstudiosmovie

Crítica | Vingadores: Guerra Infinita traz o momento mais grandioso da Marvel

Vingadores: Guerra Infinita – o filme mais aguardados pelo público, fãs e pela própria Marvel chega aos cinemas. Durante os 10 anos da Marvel, desde de Homem de Ferro (2008), a produtora vem planejando minuciosamente este evento gigantesco e ambicioso unindo todos os heróis do universo cinematográfico da Marvel contra um único e maior inimigo, o tirano Thanos. 

Confira nossa crítica SEM SPOILERS a seguir:

Imagem: Getty Images.

 

Cada acontecimento aos longos 10 anos de todos os filmes da Marvel caminhavam em um só destino – a batalha final. Este confronto aloja em um dos momentos mais delicados para os heróis que se encontravam separados e alguns isolados. Mas infelizmente com esta guerra á caminho,conflitos foram deixados para outra hora, e agora eles se reunem e buscam aliados para juntos traçarem uma batalha mortal para salvar o universo da sede de Thanos pelas Jóias do Infinito.

Imagem: Getty Images.

 

Sacrifício e coragem são palavras que definem bem a trama. O filme se concentra bem no lado de luta constante, de grandes sacrifícios e atitudes de coragem. A corrida contra o tempo, os atos destruidores de Thanos deixa não só os Vingadores e seus super-heróis aliados desesperados, como nós também. Mas ao mesmo tempo que este ar mais sério e sombrio é presente, ele consegue oscilar com piadas leves, nos fazendo tomar breves fôlegos.

Imagem: Getty Images.
Imagem: Getty Images.

 

O legal do filme é que ele brinca com o que já sabemos ou que apenas suspeitamos, achamos que vai acontecer uma coisa, faz com que pense que está certo e depois desconstrói. Além de que é um filme para ser sentido, ser atingido pela surpresa que é fundamental para que ele dê certo.

Mesmo com os inúmeros personagens contracenando juntos, de trajetórias diferentes, alguns não conhecem uns aos outros, mas mesmo assim eles mostram uma excelente sintonia e carisma em todos os personagens. Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Thor (Chris Hemsworth) e Capitão América (Chris Evans) mostram ser os grandes anfitriões e líderes dessa união, são eles que saem na frente da missão. Mas Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch) e  Pantera Negra (Chadwick Boseman) vemos que o poder de liderança e conhecimento ampliou ainda mais nos últimos tempos, proporcionando uma visão mais ampla da situação para nossos heróis mais veteranos.

Imagem: Getty Images.
Imagem: Getty Images.

 

Mas claro, não só os heróis mostram grande força e poder nessa batalha, as heroínas impressionam tanto quanto. Scarlett Johansson (Viúva Negra) e Elizabeth Olsen (Feiticeira Escarlate) traz excelentes e incríveis cenas de luta, juntamente com a Okoye (Danai Gurira) – a líder das Dora Milaje em Wakanda, mostrando que o tempo só acrescentou em maiores habilidades e poderes.

Imagem: Getty Images.

 

A direção dos Irmãos Russo com o produtor Kevin Feige trouxe uma produção não somente excelente, mas memorável, um elenco grandioso com um desafio complexo, construído e desenvolvido detalhadamente ao longo de cada filme produzido, não poderia sair perfeitamente, mas o resultado foi mais do que esperávamos – momentos de encher os olhos, arrepiando dos pés a cabeça com as cenas mais esperadas de todo o universo comics da Marvel, resulta na real sensação de algo épico e que conseguiu ser realizado, mas que ainda tem muito mais por vir.
Nota: 
           (Excelente)

Nota:

Excelente

5.0

Tags
Mostrar mais

Karina Lima

Formada em Design Gráfico, viciada em filmes e séries, ama perdidamente a Marvel e eternamente Harry Potter. Mas também não vive sem livros e música. Ama chá, Londres e fã do Tom Holland e Robert Downey Jr. Não consegue viver sem a Arte no seu cotidiano, essa é ela.

Artigos relacionados

Deixem seus comentários!

Fechar